Guerra aberta contra a celulite! 10 dicas para a ajudarem

celulite-laranja

Afinal, porque é que existe celulite?

A pele é constituída por três camadas principais: a epiderme, a derme e o tecido adiposo e é, essencialmente, nesta última camada (tecido adiposo) que ocorrem as alterações que conduzem ao aparecimento da celulite. Debaixo da nossa pele, mais propriamente no tecido adiposo, há um tecido fibroso mas que, associado a vários factores (por exemplo, a idade, a genética e/ou as hormonas) começa a criar a celulite.  Imagine uma combinação de gordura, água e “resíduos tóxicos” que, simplesmente, o corpo não conseguiu eliminar. E isso poderá acontecer em todos os corpos, independentemente, do IMC (Índice de Massa Corporal).

Portanto, rapidamente se apercebe que, mesmo no indivíduo com peso saudável e no indivíduo que faz “dieta” e que pratica algum exercício físico, é possível encontrarmos esta “patologia”.

Há 40 anos atrás, os nossos pais, deslocavam-se para o trabalho a pé, é certo! E o exercício físico, pode ser uma ferramenta importante para travar o aparecimento da celulite…mas, há 40 anos os nossos pais não comiam alimentos de plástico…a sua alimentação era mais natural, respeitavam-se os momentos de cultivo e crescimento. Hoje com a industrialização da alimentação é possível termos quase todos os alimentos fora da sua época…o facilitismo no consumo de determinados alimentos pode trazer desvantagens na saúde humana e, a celulite, pode ser uma dessas desvantagens.

Então, o que é que pode fazer, em termos concretos?

  1. Comece por pensar na qualidade da água que bebe! Sabia que existe uma água que pode melhorar a condutividade, a drenagem, a hidratação e a neutralidade do ph sanguíneo?
  2. Evite uma alimentação densamente calórica e de elevado valor glicémico! Comece por refletir se a sua atividade diária é considerável, se não, reduza nas fontes de energia, nomeadamente nos bolos, nos refrigerantes, nos produtos de pastelaria, nos alimentos pré confecionados, e até nos hidratos de carbono que acrescenta nos pratos.
  3. Conheça qual a melhor farinha para o seu caso, se milho, se soja, se arroz, centeio…entre outras. De forma a não abandonar alguns hábitos alimentares tradicionais, como o Pão.
  4. Faça uma alimentação colorida! Mais de metade da sua alimentação deve ser produtos frescos, os hortícolas devem ocupar mais de metade do seu prato. E não basta a alface!
  5. Coma fruta com moderação.
  6. Inclua Cereais integrais, sem glúten.
  7. Inclua as sementes.
  8. Beba bastante água.
  9. Pratique exercício físico.
  10. Complemente com o tratamento anti-celulítico mais adequado ao seu caso, endermologia LPG, massagem anticelulítica, ou outro.

Siga algumas destas dicas, para conseguir travar a tão temida celulite. Saiba mais sobre os tratamentos para a celulite AQUI.

2019-02-28T10:26:27+00:00