1ª Semana do DESAFIO EM FORMA

A semana que passou foi a 1ª semana do DESAFIO EM FORMA, onde temos duas pessoas que se sujeitaram aos nossos tratamentos, com a esperança de ficarem com um corpo fantástico.

Dois casos muito diferentes e que, hoje, explicamos na íntegra o que foi feito e aquilo que elas sentiram com os primeiros tratamentos.

1º Caso – Maria do Carmo

A Maria do Carmo, uma jovem de 29 anos e 1,78cm de altura veio ter connosco porque não gostava das suas pernas e dos glúteos. Referia ter celulite e flacidez. Fizemos uma avaliação, onde vimos o historial clínico e hábitos de estilo de vida. É uma pessoa que não tem problemas de saúde, com um peso estável, que bebe cerca de 1,5 litros de água durante o dia, faz exercício físico ao fim de semana, tem o intestino regular, e uma alimentação com tendência para equilibrada, mas com algum consumo de açúcar. Nunca fez nenhum tipo de tratamentos.

Tiramos também alguns dados antropométricos:

Peso – 60,9 kg

Massa Gorda – 28,7%

Massa Muscular – 41.2 (abaixo do pretendido)

Osso – 2.2

IMC – 19.2 (Peso abaixo do normal)

Metabolismo – 2069

Idade Biológica – 27 anos

Água – 52,7%

Gordura visceral – 2

Cintura – 80

Anca – 90

Coxa – 59cm / 58,5 cm

Recomendamos que a cliente faça 6 Endermologias, para desfibrozar e drenar todo o tecido e depois 10 sessões de Reaction, para modelar e refirmar o tecido.

Na primeira semana de tratamentos, a Maria do Carmo refere que “foi ótimo, senti-me muito bem. Para além de já ver diferenças no meu corpo, sinto logo uma leveza nas pernas e mais vontade de ir à casa de banho. Estou ansiosa para começar a 2ª semana de tratamentos. Isto, por si só, é um fator de motivação para me fazer comer menos açúcar e para ter mais cuidado comigo própria e com a minha saúde”.

 

 

2º Caso – Ana Margarida

A Ana Margarida é um caso muito diferente do da Maria do Carmo. O seu objetivo é a perda de peso, volume e principalmente barriga, onde tem mais gordura acumulada. A Ana Margarida tem excesso de peso há cerca de 4 anos. Ganhou-o de forma gradual. Tem um filho de 5 anos, com parto normal. Durante a gravidez engordou 12 kg e recuperou tudo. Não há problemas de saúde. Toma a pílula. Bebe cerca de 1l a 1,5l de água por dia. O intestino é regular. Não faz exercício físico. A alimentação tem tendência para ser desequilibrada, com algum consumo de açúcar.

Tiramos também alguns dados antropométricos:

Peso – 69,2 kg

Massa Gorda – 34,5% (elevado)

Massa Muscular – 43.1

Osso – 2.3

IMC – 27.7 (Excesso de peso)

Metabolismo – 2155

Idade Biológica – 46 anos

Água – 48.5%

Gordura visceral – 6

Cintura – 92 cm (acima do umbigo); 103 cm (abaixo do umbigo)

Anca – 104 cm

Coxa – 58cm / 57,5 cm

Recomendamos que a cliente faça 8 Endermologias, para desfibrozar e drenar todo o tecido e, intercalando com 8 Criofrequências, para ajudar a perder volume e gordura localizada.

Na primeira semana de tratamentos, a Ana Margarida esteve doente, com um processo inflamatório de gripe, amigdalite e tosse. Tendo em conta este cenário, a Ana Margarida não pode fazer tratamentos, pois estes estados inflamatórios são uma contra-indicação para quem está a fazer este tipo de tratamentos. Por esta razão, a única coisa que a Ana Margarida disse, desapontada, foi “Tive pena de não ter começado já os tratamentos. Estou certa de que seria uma motivação para mim, mas não faz mal. Para a semana começo e estou certa de que tudo correrá bem”.

Na próxima segunda-feira, viremos com mais novidades. Mais 1 semana de tratamentos e fotografias do antes e depois, assim como medidas…

Quem está curioso para ver estas duas transformações?

2019-02-25T16:47:23+00:00